Arte em casa é um ateliê bem pequeno, mas grande em dedicação e idéias. Em cada peça que pinto coloco amor e carinho. São todas muito especiais !! Aqui quero repartir com vocês o dia a dia do ateliê. A novidade de 2012 é que as peças pronta entrega agora estão a venda pelo site http://www.arteemcasa.divitae.com.br/ e não mais aqui no blog. Para saber sobre peças disponíveis para encomenda, é só entrar em contato pelo email adriana.pires@hotmail.com

Sejam muito bem vindas(os) !!

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Olá queridas seguidoras do blog.
Parei pra descansar um pouquinho, dormir mais cedo, acordar bemmm mais tarde... ai que delícia!!!
Mas não dá pra ficar tão parada assim, não consigo, e não posso me dar a esse luxo, então depois de um breve descanso estou dando uma arrumadinha aqui no ateliê.
Volto a  pintar as porcelanas dia 18/01,  até lá estou pintando as paredes, as prateleiras .... sabe como é!
Espero que todas tenham tido um final de ano lindo e um começo incrível !!!
Feliz 2011!!!!!!!
Bjxx
Drix e Sophie

4 comentários:

JUJU e LELÊ Artesanatos disse...

Olá Drix!
Passando para te desejar um feliz Ano Novo com muita PAZ, SAÚDE e FELICIDADES com as bençãos de DEUS!!!
E...Volte logo para nos presentear com as coisa lindas que vc faz.
Bjs
Lelê

KINHA disse...

Olá Adriana

Eu vte vi no blog da J&L e como sou curiosa vim conhecer seu espaço. Gostei e já estou seguindo. Vou aguardar a sua visita e ficarei feliz se me seguir também.

Bjoooooooooooooo...........

http://amigadamoda.blogspot.com

A-DO-RO! disse...

Oi Drix querida!
Saudades!!! Descansar é preciso para recomeçar com força!
Lindo ano para você!
Vou ficar esperando as novas peças!(A-do-ro!!)
Beijoss

Cris Roling disse...

Seu blog é uma fofura! Parabéns pela delicadez dos seus trabalhos!
Já estou seguindo!!!
Quando vc puder, dê uma passadinha no meu que está rolando um sorteio bem bacana!
Um beijo,
Cris
www.crisroling.blogspot.com

dente de leão

dente de leão

Presente

Um dia, eu quis ser dente-de-leão. Desses que nascem em qualquer quina, em qualquer esquina, em qualquer calçada. Eu quis ser insistente, como quem rompe o asfalto para provar ser existente. Eu quis ser dente-de-leão para acabar na mão daquela criança Que foi até a esquina buscar a bola, ou que corria atrasada pra escola, E assim ser arrancado do solo áspero E ser soprado, Libertado, Liberado no ar como uma alegria certa Pra renascer em lugares diversos. Sim, eu quis ser ar, eu quis ser verso. Um dia, eu quis ser livre em meio às ruas da cidade, Eu quis ser livre. Um dia, eu quis ser. By Arthur Netto, 7/10/2005


Obrigada pelo presente...maravilhoso...me fez chorar de tão bonito...me fez chorar de saudade!
Que sorte a nossa!

visitas do mundo

free counters

Obrigada pela visita !!!